Cartinhas que recebemos no email treta@treta.com.br, e suas respostas.

SITE     FEED     FACEBOOK     TWITTER     TUMBLR     EDITORIAIS     SOBRE     EQUIPE     ANUNCIE     CONTATO     PAINEL

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Re: TRETA.COM.BR | Uma ideia que renderá milhões pro TRETA!

Salve, Ramó!

Em primeiro lugar, agradecemos sua mensagem, que parece refletir uma opinião sincera e justificada. Todas as vezes que um leitor se dignou a nos questionar com argumentos o resultado foi um frutífero debate que certamente surte efeitos em ambas as partes.

Contudo, gostaria de tentar te explicar nosso ponto de vista sobre essa confusa questão. Como blogueiro, produzindo conteúdo pra internet desde 2003 (e com o TRETA desde 2005), várias vezes me vi na situação de ter sido mal-interpretado em relação a alguns temas abordados no blog. Essa é justamente a magnitude da comunicação, e um dos maiores encantos do ofício blogueiro.

Certa vez um rapaz entrou em contato com a gente pra reclamar de um post (http://www.treta.com.br/2008/04/fritos-nipnicos.html), especificamente dizendo que nós éramos conservadores e preconceituosos ao abordar levianamente a relação de outra cultura com a música eletrônica. Foram tantas conversas pra esclarecer o mal-entendido que hoje o cara é um dos meus melhores amigos e passou a fazer parte da equipe TRETA.

Voltando à sua sugestão, acredito que esteja sendo um pouco rígido demais com o Testosterona, um blog que coloca a misoginia no nível da pilhéria, por mais que às vezes não atinja o ponto certo do humor, na maior parte do tempo a abordagem do tema guarda uma crítica velada ao absurdo desse tipo de pensamento. Não entendo como tanta gente vê com maus olhos o Testosterona, pois considero que seria o mesmo que alegar que uma piada sobre corrupção defende sua prática, ou que uma piada sobre a truculência policial defenda a completa anarquia.

O que concluo de mais importante em casos assim como o da sua mensagem é que devemos sempre ter muito cuidado com o que publicamos, por mais que seja inevitável dar margem a múltiplas interpretações, e também cuidado com o que interpretamos, com as conclusões que tiramos, na maioria das vezes precipitada. Sou da corrente que acredita que tudo (ou quase) é absolutamente relativo e que uma informação trazida à tona é apenas uma pequena parte de todo o conhecimento que pode ser extraído dela.

O resto fica por conta de cada interlocutor.

Forte abs!

Ivo Neuman
http://www.treta.com.br




Em 22 de novembro de 2012 17:03, Ramó escreveu:
De: Ramó
Assunto: Uma ideia que renderá milhões pro TRETA!

Corpo da mensagem:
Fala aew brother que eu não faço a ideia do nome nem da cara, mas que tem um blog massa.

Sempre achei as ideias que você passa no blog (além do que é humor e tal) muito boas. Em especial o "Fuck the Police" que nos mostra que o mundo não tá tão bonitinho como dizem e que um dos sinais disso é essa polícia truculenta que temos. Além da abordagem sobre a legalização da maconha. Eu nem fumo nem fumaria mas acho que partilhamos da ideia de que criminalizar não é a solução.

Pode parecer que o que eu vou falar não tem nada a ver mas acho o conteúdo do TRETA muito diferente do Testosterona, e achei meio paia o banner com eles por aqui. Eu explico:

As coisas aqui no TRETA - pra mim - vem muito com a conotação da libertação da nossa consciência. Por esses motivos que falei antes, o TRETA não segrega nem é preconceituoso nem racista com ninguém. Isso é uma das coisas que faz ser um dos pouquíssimos blogs que ainda acompanho, o que é o caso contrário do TESTOSTERONA (blog machista do caralho)

Nem acho que a maioria do público do TRETA venha aqui pelo mesmo motivo que eu, mas bateu a BAD em ver os dois blogs juntos heheh
Sendo sincero, isso não é algo que me faria deixar de ver o blog, mas deu a vontade de vir aqui e fazer esse apelo, de que o TRETA é massa demais pra tá junto com um blog cuzão como o Testosterona. Sei que eles podem ou estar pagando ou trocando banners nos sites com vocês, mas queria acreditar que nem sempre somos movidos puramente por grana.

Valeu aew.
E a ideia não dá dinheiro, tá mais próxima do contrário, mas valeu a curiosidade.

--
Esta mensagem foi enviada através do formulário de contato do site ((( TRETA ))) http://www.treta.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário