Cartinhas que recebemos no email treta@treta.com.br, e suas respostas.

SITE     FEED     FACEBOOK     TWITTER     TUMBLR     EDITORIAIS     SOBRE     EQUIPE     ANUNCIE     CONTATO     PAINEL

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Re: TRETA.COM.BR | Humor depreciativo não é humor é discurso de ódio

Agradecemos a sua atenção e a sua mensagem, mas não podemos compactuar com esse tipo de ignorância. O post fica (e provavelmente vai ter "parte 2"). Uma dica: sexo ajuda a desenvolver o senso de humor.



Em 11 de agosto de 2013 13:21, Júlia escreveu:
De: Júlia 
Assunto: Humor depreciativo não é humor é discurso de ódio

Corpo da mensagem:
amos analisar a tirinha com Lena Brito?


Você não precisa abaixar a tampa - Machismo;

Ter um jogador a mais na pelada de fim de semana - apagamento da identidade feminina e negação da mesma; Além disso mais um pouco de naturalização também do tal lugar de mulher e lugar de homem, como se mulher não pudesse estar onde quiser. Ah!!! Nós temos futebol feminino e a Marta é a melhor jogadora do mundo!!!

Nunca tem TPM - discurso biologizante (TPM e afins); E qual o problema de ter TPM?

Você não vai mais gastar grana com travecos - apologia à prostituição e ao mercado de sexo que se mostra como única alternativa as travestis numa sociedade que as imputa a esta profissão como única forma de subsistência e ao mesmo tempo em que as reconhece nesse espaço as condena por estarem lá, além do uso do termo "traveco" que é altamente pejorativo e ofensivo;

Não reclama de fazer anal - apologia ao estupro aonde o "não reclama de fazer anal" mostra que sim não importa se x outrx está confortável ou não com aquela forma de sexo o que importa é o que o mascus quer além da imagem mostrar claramente a relação de poder entre a figura masculina e a feminina subjugada;

Bebe que nem homem - há algum problema em beber o mesmo ou mais ainda que um homem? Mantem se ai o machismo chato de cada dia que mulher não bebe como homem, mas lembrando de que eles também dizem "que mulher beber demais é feio" e "bebeu demais e foi estuprada? A culpa dela".

Nenhum amigo vai dar em cima - ainda coloca as travestis como ser abjeto da sociedade que ninguém demonstrará qualquer afeto; Reafirma a Transfobia alheia, afinal, outros não darão em cima por quê?

Abre pote sozinho - apagamento da identidade (uso no masculino), machismo aonde a função dos homens é abrir potes (oi?) e que só a força é necessária pra isso; E ainda ridicularizam mulheres cis propondo a incapacidade das mesmas de abrir um pote.(Gente ele precisam de força para tudo? Nós podemos fazer de forma fácil usando a inteligência: faça um furo no pote com a ponta e uma faca, a pressão sai e o pote abre).

Você tem sempre um parceiro no Winning Eleven - como se jogos de futebol só fossem jogados por homens, como se fosse uma atividade só de homens que qualquer mulher que o faça bem não pode ser considerada como mulher ZZzzZZZzzzZZ;

Se você bater nela ela não vai poder ir à delegacia de mulheres - desconhecimento da lei Maria da Penha ou qualquer lei que a proteja, travestis podem tanto ir a Delegacia das Mulheres ou mesmo acionar a Lei Maria da Penha como também fazer denúncia junto ao Disque 100 serviço da Secretaria de Direitos Humanos, mas acima de tudo isso mostra que "sim você pode bater nela que não terá nenhum problema pra você...";

Pênis - sim algumas mulheres tem pênis, isso faz parte do espectro e isso não faz ela mais ou menos travesti ou mulher trans* ou qualquer identidade que ela se identifique, agora querer afirmar que isso é ser algo problemático é colocar que os corpos devem ter formas determinadas e que qualquer coisa que saia do estereótipo será considerada como inferior ou como no caso da tirinha que é um motivo para ser "contra", nem todas as mulheres trans* optam pela cirurgia de redesignação sexual assim como as travestis, temos o direito de decidir pelos nossos corpos e como queremos que eles sejam e não é nenhum mascus que irá dizer o que é certo ou errado, a favor ou contra

--
Esta mensagem foi enviada através do formulário de contato do site ((( TRETA ))) http://www.treta.com.br


--
You received this message because you are subscribed to the Google Groups "Under TRETA" group.
To unsubscribe from this group and stop receiving emails from it, send an email to undertreta+unsubscribe@googlegroups.com.
For more options, visit https://groups.google.com/groups/opt_out.
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário